ta tudo doido nessa porra

Nesses tempos atuais, trombamos com a síndrome do contrário, aonde a vontade de ser inverso está dominando, mais não necessariamente pelo desejo de se demonstrar-se desconforme.Estava me eu e meus amigos em uma cantoria a noite passada e um assunto por alguns instantes foi lembrado; a idéia de pessoas contrárias ao público focado, irem a esse tipo de evento, destinado a público inteligente e de bom gosto (do meu pensar é claro) para repercutir tal impressão para sociedade, á de “apreciador da cultura”.Isso mesmo, para outrem(antes fosse para o ego).
Até a pobre e maltrapilha da “sujeira” lhe cai bem nos dias de hoje, ela sempre estava por ali sendo “pisada”, fazendo seu trabalho “sujo” ; o de sujar, daí transformam ela em assessório; derrepente nas passarelas só se via camisa desbotada, tênis sujo,embarreado, cabelo maculado, totalmente o inverso do que era pra ser moda.
A bebida, que sempre foi o mal que assola famílias e nações hoje é tão normal, os menininhos que os pais tem muito dinheirinho,(pra eles, somente pra eles, isso é exclusividade deles!!) são os “reis” da noite quando bebem e ficam sobre mesas, providos de um arsenal de palavrões.Situação que anos atrás era coisa de psiquiatra, de louco, hoje é tudo tão usual.Longos vestidos,bonitos, daqueles de bailes debutantes tornaram-se démodé e os vestidos “hippies” , aqueles que nós tanto escutávamos delas mesmas, futuras usuárias desses vestuários a afirmação : “-Meu Deus, fulana não tem espelho em casa, parece o vestido da minha avó!” agora é um dos mais badalados entre as madames, com seus óculos enormes, que até então apenas Toni Garrido usava, o popular “óculos bisorão” e também tem o ray ban, objeto indispensável do nosso querido Raúl Seixas, agora é febre nas “fotuxas” de orkut.
Uma parte da população ignorante transformou a ideologia da humildade em moda também, fundiram hipocrisia com humildade e nisso estão se confundindo por aí.Mais temos o lado bom dessa história, é como a coisa de reciclar, usar chinelo de lona, de borracha de pneu, aquecimento global, isso era tudo propriedade de “eco-chatos”(assim pensavam os ignorantes) agora é o que há.Até eu as vezes uso da filosofia do contrário, quando estou sem inspiração começo a procurar na falta de inspiração algo pra me inspirar.Pois bem, somos todos loucos, o que varia é a forma de se expressar(ou de se explicar).

Postado por : Arnaldo Júnior Cabelo

ta tudo doido nessa porra Arnaldo Júnior Cabelo domingo, 16 de dezembro de 2007. 1comentários: ta tudo doido nessa porra
 

1 comentários:

Pandora disse... | 17 de janeiro de 2008 07:58

É amigo virtual insano em um ano se muda mt coisa imagina soh em meio século ou em um século,é assombroso no q nos tornamos...
Vc é intessante rapaizinho...
Tah de boa até a proxima...